segunda-feira, 25 de maio de 2009

Novo visual do Blog

Ola pessoal, essa já é a terceira postagem depois que a Sara fez o novo template. Ficou melhor, mais profissional, ainda mais tirando aquela imagem tosca que eu mesmo fiz no "Paint".

As imagens retratam icones de Fortaleza tais como o Farol do Mucuripe, a Catedral, a Caixa dágua do Leonilson, o muro da UFC, uma jangada, a Coluna da Hora e o Cine São Luis na praça do Ferreira e prédios da orla. A bola ao lado substituiu o brasão da cidade entre os ramos de fume e algodão e o 2004 foi o ano em que começamos a jogar cricket por aqui.

A Sara teve um trabalho danado com as medidas das tags em HTML, mas o resultou valeu a pena. Ela ainda esta trabalhando para finalizar o novo Site da Associação Brasileira de Cricket, que ficará muito melhor e mais profissional. Aguardem...

ICC Americas Women's Championship 2009

Bem, o campeonato terminou e como a seleção brasileira era novata, as meninas terminaram la lanter. Canadá, Estados Unidos e Argentina fizeram o pódio e nessa ordem de colocação sendo o Canadá em primeiro.

Houveram premiações individuais e a brasileira Juliana Brito foi eleita a melhor jogadora como "fielder" e que junto com a jogadora Luiza Paranhos foram selecionadas para compor uma equipe que será treinada para compor a futura seleção regional.

Infelizmente o Brasil não ganhou nenhuma partida, mas fizemos pontos importantes. Conhecer outras pessoas, desenvolver um esporte com o espírito cortês do Cricket e estreitar a amizade com nossos vizinhos é sempre bom. Parabens ao time do Brasil que iniciou sua jornada em competições mundiais e a todos da ABC que fizeram isso possível.

Time brasileiro

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Treino na praia

Ontem, dia 17 de Maio, toda a equipe titular do time amador de Cricket de Fortaleza, Valter e David foram treinar na Praia do Ideal.

Aproveitei aquela tarde para fazer umas fotos - que já deveriam estar prontas duas semanas antes - e, finalmente, assistir à um treino dos meninos. O treino foi um sucesso, mobilizou até os militares! A cada catch a banda da Décima Região Militar de Fortaleza comemorava e quando os meninos trocaram de posição 5 paraquedistas dançaram no ar até "pousarem"!

A verdade é que o dia 17 de Maio é o início das comemorações do Dia da Infantaria... Mas foi uma feliz coincidência encontrar a praia cheia de militares e com uma bandinha charmosa (de musica charmosa, por favor...). Mas agora, pensando bem, não sei se foi um álibi muito bem forjado ou não, já que ontem também foi Dia do Combate à Homofobia. Vai saber, né?! É um público crescente e tal, de repente o treino dos meninos foi de propósito...

Depois do treino, entre céu nublado e chuviscos, fomos (os três podres) até o Dragão do Mar. Eu não sei se foi pelo Dia da Infantaria ou se foi o suor másculo, carregado de testosterona dos meninos, mas não vimos 1 travesti sequer no caminho. =(

Chegando no Dragão do Mar, comemos um pouco e descansamos no Café Avião, onde o Valter nos apresentou à uma nova patolologia: a obsessão em esportes. Nunca, nunca, nunca, vi uma pessoa entender tanto de tantos esportes. Entender e gostar! Gosta tanto que comprovou a teoria de Lamarck: de tanto jogar Cricket virou indiano.

Foi uma tarde/noite muito boa. Combinamos algumas coisas entre fotos, site, mudança do template desse blog, uniformes, jogadores e a proibição total do David se aproximar de Brasília.*

De lá foi cada uma pra sua casinha (aliás, o Valter é meu vizinho) e as fotos ficaram com meu queridíssimo David, que vai então levar um século pra me passar tudo. Vai aí algumas fotos:





Valter



Valter lançando na direção do David



David



Valter



Valter



David




Valter e David



David e Valter



David rebatendo na direção de Valter



Ao final do treino



Ao final do treino (David)



Valter



David emocionado no Dia de Combate à Homofobia



Fim de tarde


* Proibição baseada nos atributos físicos das jogadores da Seleção Feminina de Cricket.

sexta-feira, 15 de maio de 2009

ICC Americas Women's Championship

Campeonato feminino americano do ICC (ICC Americas Women's Championship) vai acontecer entre os dias 18 e 23 de maio, ou seja, de segunda a sexta da semana que vem, nos Estados Unidos da América, especificamente na cidade de Fort Lauderdale, Flórida.

O Brasil ta nessa e vamos tentar pegar em algum metal porque elas treinaram muito e o treinador é um obstinado. A delegação que ta indo é a seguinte:

Erika Reinehr Ribeiro (Capitã)
Juliana Brito (Vice-capitã)
Narayana Reinehr Ribeiro
Juliene V F de Melo
Carol Moraes
Márcia Negreiros
Luiza Paranhos C M Ribeiro
Maria Eduarda Costa
Lana Miranda
Carol dela Pace
Karina Lagoa
Vanessa de Faria Lopes
Adriana Alves Ribeiro
Marina de Vega Cabral Delphino

Rudy (Treinador)
Cristiano, Michel, Felipe (Pessoal de apoio)
Vince (Administrador)

Vamos jogar contra os times de Bermudas, Canada, Argentina, USA e Trinidad e Tobago. A experiência é fundamental e resultará numa melhora para nosso esporte na medida em que o time é composto totalmente por brasileira natas.

Vai lá Brasil. Boa sorte a todos.

Lições de Cricket 18

Caros amigos leitores, chegamos hoje ao meio do livreto do ICC. As lições dessa parte do livreto são as de mais complexa abordagem pois explicam os fundamentos tecnicos de vários momentos e elementos do jogo. A lição de hoje é uma das mais importantes pois ela fundamenta o movimento do arremesso, configurando-se num do elementos mais característicos do jogo.

Essa lição começa com a figura de como se empunha a bola. A Bola deve ser segurada com a costura posicionada entre os dedos indicador e médio com o apoio do dedo anelar e segurada pelo polegar. A mão que segura a bola fica articulada com a mão na altura do peito e a mão livre fica articulada por cima do ombro funcionando inicialmente como mira.

O movimento de arremesso é iniciado com uma corrida trotada que se finaliza com um salto na área indicada para o lançamento da bola.

Essa figura demonstra as possibilidades adequadas de arremesso da bola. No primeiro caso o movimento tem início de forma lateral havendo um movimento de centralização do corpo e en seguida o arremesso. Note que no início a perna de apoio esta levantada durante a posição lateral do corpo, seguindo-se o alinhamento do corpo. O arremesso não é executado de forma adequada se o jogador realiza o lançamento com o corpo inclinado ou de forma lateral.

No segundo caso o jogador inicia o movimento já de frente para o campo e finaliza o movimento da mesma forma que no primeiro caso. O arremessador não deve articular o tronco lateralmente no momento do lançamento. Da mesma forma, em ambos os casos, o não alinhamento do arremesso com o pitch dificulta o lançamento e dissipa energia do jogador em movimentos desnecessários. Observem que o braço da mão livre funciona como contrapeso do movimento da do braço da mão que segura a bola. Esse balanceio é fundamental para um melhor resultado no lançamento.


Na última figura temos então a demonstração da sequência do movimento em três parte: O momento do início do lançamento com o apoio da perna oposta ao da mão que lança; o lançamento em si com o impulso do corpo e finalmente a parada e observação do jogador à seguência da bola no jogo. Deve ser observado a marcação do campo que indica a linha limite (popping crease) de onde a bola deve sair da mão.

O elemento mais marcante do arremesso é a regra que proibe a articulação do cotovelo. Para que o arremesso seja válido o braço deve estar totalmente estendido funcionando como uma funda e a mão como o cesto que abriga a bola para um tiro certeiro.

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Lições de Cricket 17

Essa postagem termina a parte do livreto do ICC que demonstra como organizar um dia de jogos.
Terminada a partida, a área do peatch é coberta para proteger o piso especial onde se realiza a maior parte das jogadas e é desfeita a marcação das froneteiras do campo. Na outra imagem os jogadores estão guardando os equipamentos.
Na outra imagem é mostrado a colocação de vestígios ou lixo em recipiente próprio e a finalização da cobertura do campo e finalmente a imagem final, temos as pessoas indo embora.

Esse livreto chega a ser bastante minucioso no que dev ser atentado para que o cricket seja um esporte divertido e responsavel, em todos os sentidos.

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Lições de Cricket 16

Essa é a penúltima parte do livreto que instrui a melhor forma de proceder na organização de um dia de jogo de cricket.
Nesta página temos a primeira imagem fazendo alusão a preparação dos jogadores, aprontando os equipamentos de proteção, como o "pad" que protege a parna de boladas e ainda temos a imagem de pessoas tomando líquidos, fundamental em um dia de sol. Na outra imagem temos os juizes aprontado os wickets e os jogadores entrando em campo.
Na página 33, temos na primeira imagem a realização do jogo e já na imagem seguinte, temos o fim da partida, sendo os juizes os últimos a sair do campo, desmontado os wickets.